Como podemos reconhecer a voz de Deus quando Ele voltar?

07/07/2020
7 minutos a ler

Como podemos reconhecer a voz de Deus quando Ele voltar?

Muitos cristãos esperam ansiosamente a vinda do Senhor e Salvador Jesus. O que ansiamos finalmente foi realizado, porque o Senhor Jesus veio há muito tempo como Deus Todo-Poderoso que expressa a verdade e faz o trabalho do julgamento que começa com a casa do Deus. O Senhor Jesus disse, “As Minhas ovelhas ouvem a Minha voz” (João 10:27). A chave para conhecer o Senhor é ouvir a Sua voz, mas existem alguns que não sabem ouvi-Lo e são incapazes de diferenciar a voz de Deus da voz do homem, e por isso não conseguem confirmar que as palavras de Deus Todo-Poderoso são a Sua voz. Vamos saber na comunhão a diferença entre palavras de Deus e as do homem, para que possamos ter certeza sobre a voz de Deus e conhecer a vinda do senhor.

1. As declarações de Deus são as expressões do Espírito Santo e representam Sua, e há uma diferença de essência entre elas e as palavras do homem.

Como todos sabemos, o Deus encarnado é o Espírito de Deus revestido de carne, Ele é o próprio Deus, e as palavras expressas por Cristo são as declarações do Espírito Santo. Essas palavras são a verdade, têm poder e autoridade, e podemos sentir isso quando as ouvimos. Quando ouvimos o Senhor Jesus cumprindo Sua promessa para a humanidade, por exemplo, quando ouvimos os mandamentos que Ele proclamou, as palavras que Ele proferiu ao repreender os fariseus, Seus ensinamentos e assim por diante, imediatamente sentimos que as palavras do Senhor são a verdade, têm poder e autoridade, inspiram reverência em nossos corações, e sabemos no fundo que são as palavras de Deus. As pessoas, no entanto, não possuem a essência de Deus, muito menos a identidade de Deus. Quando ouvimos as pessoas falarem, somos capazes de entendê-lo, mas de maneira alguma podemos sentir que as palavras das pessoas têm algum poder ou autoridade, e muito menos sentir que elas são a verdade; são apenas algumas palavras que nos beneficiam, nada mais. Essa é a maior diferença entre as palavras de Deus e as do homem, e precisamos apenas ouvir com o coração para poder diferenciá-las.

As palavras expressadas por Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias, são todas as expressões diretas do Espírito de Deus. Muitas pessoas, após ouvir a palavra de Deus Todo-Poderoso, sabem que elas são verdades e que têm poder e a autoridade, somente as reconhecendo então para ser a voz de Deus. Assim como Deus Todo-Poderoso diz: “Estou fazendo a Minha obra por todo o universo e, no Oriente, trovões estrondosos soam incessantemente, sacudindo todas as nações e denominações. É a Minha voz que trouxe todos os homens para o presente. Farei com que todos os homens sejam conquistados pela Minha voz, caiam nessa corrente, e submetam-se diante de Mim, pois há muito tempo recuperei a Minha glória de toda a terra e a emanei novamente no Oriente. Quem não deseja ver a Minha glória? Quem não espera ansiosamente pelo Meu retorno? Quem não tem sede do Meu reaparecimento? Quem não tem saudades da Minha beleza? Quem não viria para a luz? Quem não veria a riqueza de Canaã? Quem não anseia pelo retorno do Redentor? Quem não adora o Grande Todo-Poderoso? A Minha voz se espalhará pela terra; desejo, diante do Meu povo escolhido, falar mais palavras para eles. Como os poderosos trovões que abalam montanhas e rios, Eu falo Minhas palavras para todo o universo e para a humanidade. Portanto, as palavras na Minha boca se tornaram o tesouro do homem, e todos os homens apreciam as Minhas palavras. O raio ilumina do Oriente até o Ocidente. Minhas palavras são tais que o homem reluta em abrir mão delas e, ao mesmo tempo, as considera insondáveis, mas se regozija com elas ainda mais. Como um recém-nascido, todos os homens estão contentes e alegres, celebrando a Minha vinda. Por intermédio da Minha voz, trarei todos os homens diante de Mim. Daí em diante, Eu entrarei formalmente na raça dos homens para que venham Me adorar. Com a glória que Eu irradio e com as palavras da Minha boca, farei com que todos os homens venham diante de Mim e vejam que o relâmpago ilumina desde o Oriente e que desci também no Monte das Oliveiras, no Oriente. Eles verão que já há muito tempo estou na terra, não mais como o Filho dos judeus, mas como o Relâmpago do Oriente. Pois há muito que ressuscitei e saí do meio da humanidade, e reapareci com glória entre os homens. Eu sou Aquele que foi adorado por incontáveis eras antes de agora, e também sou o bebê abandonado pelos israelitas, incontáveis eras antes de agora. Além disso, Eu sou o todo-glorioso Deus Todo-Poderoso da era presente! Que todos cheguem diante do Meu trono e vejam Meu semblante glorioso, ouçam a Minha voz e contemplem as Minhas obras. Essa é a totalidade da Minha vontade; é o fim e o clímax do Meu plano, assim como o propósito do Meu gerenciamento. Que toda nação Me adore, que toda língua Me reconheça, que todo homem tenha fé em Mim, que todos os povos se sujeitem a Mim!”.

Mas enquanto o velho mundo continuar existindo, Eu lançarei Minha raiva sobre suas nações, promulgando abertamente os Meus decretos administrativos por todo o universo, e enviando castigo sobre quem quer que os viole:

Quando Eu volto a Minha face ao universo para falar, toda a humanidade ouve a Minha voz e então vê todas as obras que Eu realizei por todo o universo. Aqueles que forem contrários à Minha vontade, isto é, que se opõem a Mim com os feitos do homem, cairão sob o Meu castigo. Eu tomarei as numerosas estrelas dos céus e as farei de novo e, graças a Mim, o sol e a lua serão renovados — os céus não serão mais como eram; as miríades de coisas na terra serão renovadas. Tudo se tornará completo mediante Minhas palavras. As muitas nações do universo serão redivididas e substituídas pelo Meu reino, de modo que as nações sobre a terra desaparecerão para sempre e tudo se tornará um reino que Me adora; todas as nações da terra serão destruídas e deixarão de existir. Dos seres humanos do universo, todos aqueles que pertencem ao diabo serão exterminados; todos os que adoram Satanás serão abatidos pelo Meu fogo ardente — isto é, exceto aqueles que agora estão na corrente, o resto será transformado em cinzas. Quando Eu castigar os muitos povos, aqueles que estiverem no mundo religioso, em extensões diferentes, voltarão para o Meu reino, conquistados por Minhas obras, porque terão visto o advento do Santo vindo numa nuvem branca. Toda a humanidade seguirá a própria espécie e receberá castigos que variam conforme suas ações. Aqueles que se levantaram contra Mim irão todos perecer; quanto àqueles cujos feitos na terra não Me envolveram, por causa da maneira como se absolveram, continuarão a existir na terra sob a governança dos Meus filhos e do Meu povo. Eu Me revelarei à miríade de povos e à miríade de nações, ressoando com Minha própria voz sobre a terra, proclamando a completude da Minha grande obra, para que toda humanidade veja com os próprios olhos”.

Cada palavra falada por Deus Todo-Poderoso é carregada de poder e autoridade; manifestam Sua identidade e estão repletas de majestade e ira. São palavras que nenhuma criatura poderia falar, e é algo que ninguém pode alcançar, por isso que Deus que expressa Suas palavras a toda a humanidade. Além de Deus, quem mais poderia falar com toda a humanidade? Quem mais poderia se relacionar e expressar à humanidade a vontade de Deus e salvar o homem? Podemos perceber nas palavras de Deus Todo-Poderoso que estas palavras são faladas ao mundo inteiro e a toda a humanidade com identidade e status do Criador, e que revelam inteiramente o caráter justo e majestoso de Deus que não tolera nenhuma ofensa. Mesmo se as pessoas não pudessem compreender a verdade da palavra de Deus, após ouvir Suas podem perceber o poder e a autoridade dentro deles, e reconhecem-nos para ser a voz de Deus e as expressões diretas de Seu Espírito.

2. As palavras de Deus podem iniciar a nova era e encerrar a era antiga, e podem mostrar às pessoas o caminho para a prática na nova era. As pessoas só podem se apoiar no alicerce das palavras e obra de Deus, falando um pouco sobre suas próprias experiências e entendimento.

As palavras expressadas pelo Deus encarnado podem iniciar a nova era e encerrar a era antiga, e podem mostrar às pessoas a maneira de praticar na nova era. Isso é determinado pela essência de Deus. As palavras do homem, por outro lado, não pode começar uma nova era, nem mostrar às pessoas o caminho da prática na nova era. Todos podem se sustentar na palavra de e na obra de Deus para a falar sobre suas próprias introspecções e compreensão, e não podem ir além do espaço do trabalho e da palavras de Deus. Esta é outra diferença entre as palavras de Deus e as palavras do homem. No final da Era da Lei, por exemplo, as pessoas pecando cada vez, e muitas não conseguiam manter as leis e eram condenadas à morte por elas. De acordo com as necessidades do homem, o próprio Deus tornou-se carne e realizou o trabalho de redenção. As palavras e o trabalho do Senhor Jesus trouxeram a Era da Lei um fim e começaram a Era da Graça. Já não ensinou às pessoas como a aceitar a lei, mas mostrou um caminho novo de prática: Pediu que confessássemos os pecados e nos arrependêssemos, que amemos nossos inimigos, fôssemos humildes, paciente, perdoador, e que amemos o próximo como a nós mesmos, e assim por diante. Estas palavras eram mais novas, mais faladas em cima da fundação da Era da Lei. A partir deste ponto, as pessoas falaram um pouco sobre seus próprios conhecimentos em relação à fundação das palavras e da obra do Senhor de Jesus, contudo ninguém poderia ir além do espaço de palavras e da obra de Deus.

Embora a humanidade se submetesse à redenção do Senhor Jesus na Era da Graça, contudo a natureza pecadora do homem continuou enraizado profundamente. As pessoas ainda vivem constantemente uma vida de pecado durante o dia e confessando à noite, sem nunca lançar fora os laços e grilhões do pecado. Quem foi capaz de falar palavras que poderiam permitir que as pessoas lançassem os laços do pecado de uma vez por todas e mostrassem-lhes um novo caminho de prática? Ninguém Somente as palavras de Deus podem purificar e salvar as pessoas, acabar com a idade antiga, mostrar às pessoas o caminho da prática na nova era. Deus Todo-Poderoso diz: “Quando veio para o mundo do homem, Jesus introduziu a Era da Graça e encerrou a Era da Lei. Durante os últimos dias, Deus mais uma vez Se tornou carne e, com esta encarnação, Ele encerrou a Era da Graça e introduziu a Era do Reino. Todos aqueles que são capazes de aceitar a segunda encarnação de Deus serão conduzidos para a Era do Reino e, além disso, se tornarão capazes de aceitar pessoalmente a orientação de Deus. Embora tenha feito muita obra entre os homens, Jesus apenas completou a redenção de toda a humanidade e tornou-Se oferta pelo pecado do homem; Ele não livrou o homem de todo o seu caráter corrupto. Salvar o homem plenamente da influência de Satanás não exigiu apenas que Jesus Se tornasse a oferta pelo pecado e carregasse os pecados do homem, mas também exigiu que Deus fizesse uma obra maior ainda para livrar o homem completamente de seu caráter satanicamente corrompido. E assim, agora que o homem teve seus pecados perdoados, Deus voltou para a carne para guiar o homem até a nova era e começou a obra de castigo e julgamento. Esta obra tem trazido o homem a um reino superior. Todo aquele que se submete ao Seu domínio há de desfrutar de uma verdade maior e de receber bênçãos maiores. Eles hão de viver verdadeiramente na luz e de ganhar a verdade, o caminho e a vida”.

Na obra dos últimos dias, a palavra é mais poderosa que a manifestação de sinais e maravilhas, e a autoridade da palavra supera a dos sinais e maravilhas. A palavra revela todos os caracteres corruptos no coração do homem. Você é incapaz de reconhecê-los por conta própria. Quando eles forem revelados para você por meio da palavra, você os descobrirá naturalmente; você não poderá negá-los e ficará totalmente convencido. Não é essa a autoridade da palavra? Esse é o resultado alcançado pela presente obra da palavra. Portanto, o homem não pode ser totalmente salvo de seus pecados pela cura da doença e expulsão de demônios e não pode ser totalmente completado pela manifestação de sinais e maravilhas. A autoridade para curar doenças e expulsar demônios apenas dá graça ao homem, mas a carne do homem ainda pertence a Satanás e o caráter satânico corrupto ainda permanece dentro do homem. Em outras palavras, aquilo que não foi purificado ainda pertence ao pecado e à imundície. Somente após o homem ter sido limpo através da agência da palavra, o homem pode ser ganho por Deus e se tornar santificado”.

O Deus Todo-Poderoso encarnado nos últimos dias, veio à terra. Terminou a Era da Graça e começou Era do Reino; expressou milhões das palavras, concedeu ao homem todas as verdades necessárias para alcançar a salvação, e expôs todas nossas corrupções; nos disse quem ama e quem odeia, como proceder para resolver a nossa natureza corrupta e pecadora ser capaz de escapar da influência de Satanás de uma vez, e a ser purificado para alcançar a salvação ; tem-nos dito como podemos nos transformar em pessoas que fazem a vontade do Pai celestial, e que obedeça de verdade a Deus e O ame de verdade. Quem pode expressar as palavras que podem salvar e purificar a humanidade? E quem pode nos salvar do pecado? Nenhum ser humano pode fazer isso; somente Deus pode fazer isso.

Vemos agora que as palavras de Deus podem começar a nova era e acabar com a velha, e que podem salvar e purificar as pessoas e mostrá-las o caminho da prática na nova era. Ninguém poderia falar essas palavras, pois a essência do homem é o homem, e as palavras do homem não são a verdade. Todos podem se sustentar na palavra de e na obra de Deus para a falar sobre suas próprias introspecções e compreensão, e não podem ir além do espaço do trabalho e da palavra de Deus.


Recomendado para você:

1- A aparição de Deus inaugurou uma nova era

2- Cristo realiza a obra do julgamento com a verdade

3- Restaurar a vida normal do homem e levá-lo a um destino maravilhoso


3. As palavras de Deus podem revelar mistérios, as palavras do homem não.

Deus se tornou carne para salvar homem e expressar muitas verdades e revelar muitos mistérios. Por isso que porque cada vez que Deus se torna carne, sempre revela muitas verdades e mistérios, e este é algo que nenhum ser humano pode fazer. Por exemplo, quando o Senhor Jesus veio, Ele revelou o mistério de como entrar no reino dos céus e nos disse que obra faria quando viesse nos últimos dias e quais presságios indicariam Sua volta, e assim por diante.

As palavras ditas por Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias, também revelam muitos mistérios. Por exemplo, Deus Todo-Poderoso diz: “É somente durante os últimos dias que a obra que venho gerenciando há milhares de anos é completamente revelada ao homem. Só agora divulguei todo o mistério do Meu gerenciamento ao homem, e o homem tomou conhecimento do propósito da Minha obra e, além disso, veio a entender todos os Meus mistérios. Eu já disse ao homem tudo sobre o destino com o qual ele se preocupa. Já desvendei ao homem todos os Meus mistérios, mistérios que estavam ocultos por mais de 5.900 anos”.

Esse tipo de mistério é algo que não pode ser desvelado por homem nenhum. Não importa quão grande seja o entendimento que o homem tenha da Bíblia, ele permanece não sendo mais do que palavras, pois o homem não entende a substância da Bíblia. Quando o homem lê a Bíblia, ele pode receber algumas verdades, explicar algumas palavras ou sujeitar algumas passagens e capítulos famosos ao seu escrutínio mesquinho, mas ele nunca será capaz de desprender o significado contido nessas palavras, pois tudo o que o homem vê são palavras mortas, não as cenas das obras de Jeová e de Jesus, e o homem não tem como desvendar o mistério dessa obra. Portanto, o mistério do plano de gerenciamento de seis mil anos é o maior, o mais oculto e o mais absolutamente inconcebível mistério para o homem. Ninguém pode entender diretamente a vontade de Deus, a menos que o Próprio Deus a explique e revele ao homem; caso contrário, essas coisas permanecerão para sempre um enigma para o homem e para sempre mistérios selados. Não se importem com os que estão no mundo religioso; se a vocês não fosse dito, hoje, vocês também não as entenderiam. Essa obra de seis mil anos é mais misteriosa do que todas as profecias dos profetas. Ela é o maior mistério desde a criação, e nem um dentre os profetas por todas as eras foi jamais capaz de sondá-la, pois esse mistério é desvendado apenas na era final e nunca foi revelado antes”.

Deus Todo-Poderoso nos revela o mistério de Seu plano de gestão de seis mil anos para salvar a humanidade, como o Seu propósito em Sua administração da humanidade, como Ele faz o trabalho de julgamento nos últimos dias, o significado do julgamento, os mistérios das encarnações, a história interna dos três estágios da obra de Deus, a causa raiz do pecado da humanidade, a verdade da corrupção da humanidade por Satanás, como Satanás corrompe a humanidade, como Deus salva o homem, como o homem será separado de acordo com sua espécie, como Deus aperfeiçoa um grupo de pessoas para os vencedores, como o reino de Cristo se tornará, a beleza do Reino Milenar e muito mais. Deus revela todos esses mistérios para nós. Essas palavras são verdades e mistérios que nunca ouvimos antes, que cumprem com precisão as profecias do Senhor Jesus, “Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, Aquele, o Espírito da verdade, Ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por Si mesmo, mas dirá o que tiver ouvido, e vos anunciará as coisas vindouras” (João 16:12-13).

Pensemos a respeito. Se o próprio Deus não veio para realizar Sua obra e falar Suas palavras, quem mais seria capaz de expressar tantas verdades? Quem mais seria capaz de articular completamente a obra do próprio Deus? E quem mais poderia nos contar esses mistérios? Esses mistérios são assuntos que se relacionam com Deus e com o reino dos céus, e se relacionam com o que Deus realizará no futuro. Esses mistérios estão todos conectados ao plano de gerenciamento de Deus e, além de Deus, ninguém pode conhecê-los. Como está escrito no livro de Apocalipse 5:3-5: “E ninguém no céu, nem na terra, nem debaixo da terra, podia abrir o livro, nem olhar para ele. E eu chorava muito, porque não fora achado ninguém digno de abrir o livro nem de olhar para ele. E disse-me um dentre os anciãos: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, venceu para abrir o livro e romper os sete selos”. Nós, seres humanos, somos apenas criaturas de Deus, e não podemos revelar mistérios. Antes de Deus nos revelar esses mistérios, tudo o que podíamos ler na Bíblia eram apenas cartas. Existem muitos doutores em teologia que se dedicam ao estudo da Bíblia, mas tudo o que podem fazer é deduzir alguns significados literais de acordo com sua própria capacidade e experiência mentais. Essa é a diferença de essência entre Deus e o homem.

Podemos ver pela irmandade acima que, em essência, há uma grande diferença entre as palavras de Deus e as palavras do homem, e precisamos apenas ouvir com o coração para poder distinguir se as palavras que ouvimos são ou não voz de Deus.


Veja também:

Filme evangélico “Esperando” Trecho 7 – Deus Todo-Poderoso revela os mistérios de Seu plano de gestão de 6.000 anos

O Senhor Jesus revelou os mistérios do reino dos céus, e Deus Todo-Poderoso veio para desvendar todos os mistérios da gestão de Deus de 6.000 anos sobre a humanidade! Você consegue perceber, através da observação dos mistérios anunciados por Deus Todo-Poderoso, que Ele é a segunda vinda do Senhor Jesus? Assista ao trecho deste filme!

Agora são os últimos dias. Os desastres ocorrem com frequência e tornam-se cada vez maiores. Estes são os avisos e lembretes de Deus para a humanidade. Se você tiver quaisquer outras dúvidas ou quer saber mais sobre a volta do Senhor Jesus, como acolher o Senhor para ser arrebatado antes dos desastres, etc., sinta-se livre para clicar no botão a seguir para entrar em contato conosco. Se você quiser, pode se juntar ao nosso grupo de estudo.
Converse conosco no WhatsApp

Inscreva-se gratuitamente

Inscreva-se para receber o tema do evangelho da semana