Experiência de uma católica: eu encontrei o caminho para ser purificado do pecado

15/08/2020
7 minutos a ler

Experiência de uma católica:: eu encontrei o caminho para ser purificado do pecado

É possível entrar no reino dos céus quando se vive em pecado constante?

Minha mãe é uma católica devota; eu fui educada em escolas católicas desde pequena e freqüentemente ouvia os sermões de um padre da Alemanha.

Depois que cresci, não fui mais à igreja porque estava muito ocupada com o trabalho; minha mãe estava realmente preocupada comigo. No catolicismo, diz-se que quem não foi batizado não pode ir para o céu depois de morrer, então, sob forte conselho de minha mãe, estudei o catecismo por cerca de oito meses e fui batizado em 2011. Depois disso, fui à Missa todos os sábados à noite, mas por algum motivo não consegui descobrir, simplesmente não conseguia ter satisfação com nenhum dos sermões. Eu estava sempre ansiosa, para que acabasse para que eu pudesse voltar para casa. Não apenas isso, mas vi que muitas outras pessoas na igreja não tinham fé e estavam constantemente pecando em suas vidas normais. Comigo era o mesmo, Às vezes, quando minha mãe dizia ou fazia algo que eu não gostava, eu ficava brava ou até discutia com ela. O padre dizia que todos os pecados teriam que ser limpos no purgatório após a morte, e quanto mais pecados você tivesse, mais tempo você ficaria no fogo do purgatório até ser completamente queimado. Só então você poderia entrar no reino dos céus e ver Deus. A ideia de ser queimada era assustadora, então eu disse a mim mesma que seria melhor simplesmente não pecar — eu não queria ir para o purgatório. Então, eu freqüentemente cantava as escrituras sagradas e me confessava, mas ainda pecava todos os dias, fossem pecados de comportamento ou pecados dentro do meu coração. Eu estava confuso: por que não consigo me impedir de pecar? Como posso parar de pecar? Eu me sentia realmente perdida e li a Bíblia para buscar as respostas, mas algumas das Escrituras eram muito profundas e eu simplesmente não conseguia entendê-las totalmente. Então, orei a Deus esperando que Ele pudesse trazer outro congregante que realmente entendia bem a Bíblia para me ajudar a entender.

A Bíblia diz: “…e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor” (Hebreus 12:14). Eu estava preocupada porque, como estava constantemente pecando, ainda seria capaz de entrar no reino dos céus? O que aconteceria comigo quando eu morresse? Eu me sentia realmente perdida e li a Bíblia para buscar as respostas, mas algumas das Escrituras eram muito profundas e eu simplesmente não conseguia entendê-las totalmente. Então, orei a Deus esperando que Ele pudesse trazer outro congregante que realmente entendia bem a Bíblia para me ajudar a entender melhor a vontade de Deus.

A maravilhosa surpresa é que Deus já veio

Então, um dia, no início de 2018, conheci a irmã Liu Jia no Facebook, que está na Itália. Contei a ela sobre minhas dificuldades em entender as Escrituras. Essa irmã foi muito atenciosa — ela disse que outra irmã que ela conhecia, a irmã Lin, tinha um ótimo entendimento das Escrituras e vai apresentá-la a mim. Tive algumas reuniões com a irmã Lin, que foram muito úteis para mim, e eu ouvi tantas pregações que não entendia antes. Aprendi que existem três estágios no plano de gerenciamento de seis mil anos de Deus. O primeiro estágio foi a Era da Lei, quando Yahweh conduziu os israelitas em suas vidas ao emitir a lei e os mandamentos. O segundo estágio foi a Era da Graça, quando o Senhor Jesus concedeu grande graça à humanidade, foi crucificado por nós e nos redimiu de nossos pecados. O terceiro estágio é a Era do Reino, quando Deus expressa palavras para fazer a obra de julgamento e castigo, para que nossos caracteres corruptos possam ser limpos e transformados. Finalmente, a irmã Lin me disse que o Senhor Jesus já voltou, Seu nome é Deus Todo-Poderoso e Ele abriu os sete selos. Ele expressou todas as verdades para purificar e transformar a humanidade e permitir que alcancemos a salvação plena. Ele está fazendo a obra de julgamento começando pela a casa de Deus, que cumpre a profecia de 1 Pedro 4:17 de que o julgamento de Deus deve começar com a casa de Deus. Ouvir isso me surpreendeu e também me senti muito perplexo. No entanto, também pensei que a vinda do Senhor para purificar e transformar a humanidade era certamente uma coisa ótima e era exatamente o que eu precisava, então eu estava disposta a buscar a obra de Deus nos últimos dias.

Acontece que o pecado constante vem da raiz da pecaminosidade

Certa vez, durante uma reunião, eu perguntei à irmã Lin: “Muitas vezes me encontro cheia de pecados, como orgulho, mentiras, egoísmo e ser temperamental. Tenho confiado em cantar as escrituras sagradas ou pedir a um padre que cante as escrituras para a expiação, mas depois disso, simplesmente não consigo evitar de pecar novamente e novamente. Por que é isso?”

A irmã Lin respondeu: “Irmã, esta é uma ótima pergunta. Eu Sempre costumava ficar perplexa com isso também, mas quando li as palavras de Deus Todo-Poderoso minha confusão foi resolvida. Vamos começar nossa comunhão nisso hoje lendo uma passagem de Suas palavras. Deus Todo-Poderoso diz: ‘Embora o homem possa ter sido redimido e perdoado de seus pecados, isso só pode ser considerado como Deus não Se lembrar das transgressões do homem e não tratar o homem de acordo com as suas transgressões. No entanto, quando o homem, que vive num corpo de carne, não foi liberto do pecado, ele só pode continuar pecando, revelando infinitamente o caráter satânico corrupto. Essa é a vida que o homem leva, um ciclo interminável de pecar e ser perdoado. A maioria da humanidade peca de dia apenas para confessar à noite. Desse modo, embora a oferta pelo pecado seja para sempre efetiva para o homem, ela não será capaz de salvar o homem do pecado. Apenas metade da obra da salvação já foi concluída, pois o homem ainda tem caráter corrupto’.

Pelas palavras de Deus, podemos ver a razão de estarmos vivendo em um estado constante de pecado e, então, confessando esses pecados, nunca sendo capazes de nos libertar das amarras e restrições do pecado. É principalmente porque ainda possuímos naturezas corruptas — esta é a raiz do pecado. Na verdade, o Senhor Jesus sendo pregado na cruz e redimindo a humanidade foi para nos salvar das amarras da lei. Quando pecamos, desde que confessemos e nos arrependamos a Deus, nossos pecados são perdoados. No entanto, Deus não nos absolveu de nossa natureza satânica, e é por isso que as pessoas freqüentemente revelam todos os tipos de caracteres corruptos. É assim como costumamos mostrar arrogância em nossas vidas diárias — não importa o que façamos, queremos que outras pessoas façam as coisas do nosso jeito, caso contrário, mostraremos um pouco de temperamento ou até mesmo discutiremos com as pessoas. E muitas vezes mentimos ou fazemos coisas desonestas para proteger nosso próprio nome ou status, além disso, seguimos as tendências malignas do mundo, ávidos pelos prazeres da carne e incapazes de honrar a Deus como grande. A lista continua. Então, de acordo com Seu plano da obra e as necessidades da humanidade corrupta, Deus profetizou que Ele retornará nos últimos dias, para continuar a nos salvar e nos purificar, e que Ele irá expressar mais palavras para nos guiar a entrar, em toda a verdade e nos dizer as coisas que não entendíamos antes (veja João 16: 12-13). Esta é a salvação nos últimos dias mencionada em 1 Pedro.

Da maneira como a irmã Lin explicou, eu finalmente entendi que a obra do Senhor Jesus era a redenção; foi o Próprio Senhor sendo pregado na cruz para levar o peso de nossos pecados para que eles não fossem mais contados. No entanto, isso não significa que nos tornamos livres do pecado. Não fomos libertos de nossa natureza pecaminosa, então continuamos a pecar e pecar.

Desenterrando a raiz do pecado

Então eu disse: “Irmã, através da sua comunhão, entendi que a raiz do nosso pecado ainda não foi tratada e ainda não podemos nos controlar para não cometer pecados. Eu gostaria de perguntar a você, já que você disse que Deus continuará a nos salvar e nos purificar de acordo com nossas necessidades, como Deus nos purifica nos últimos dias?”

A irmã Lin disse: “Graças a Deus! Vamos ler alguns versículos das Escrituras que tratam dessa questão. ‘E, se alguém ouvir as Minhas palavras, e não as guardar, Eu não o julgo; pois Eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo. Quem Me rejeita, e não recebe as Minhas palavras, já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o julgará no último dia’ (João 12:47-48). A Escritura é clara. Afirma que Deus virá nos últimos dias para expressar palavras, ou seja, Ele usará a verdade para nos julgar e nos limpar. Essas profecias agora foram cumpridas — Cristo dos últimos dias, Deus Todo-Poderoso, apareceu há algum tempo e começou Sua obra de julgamento começando pela casa de Deus. Ele abriu os sete selos; Ele abriu o pergaminho. As palavras neste livro são todas as palavras de julgamento de Deus para nós nos últimos dias, e todos aqueles que aceitam Sua obra de julgamento e buscam a verdade podem ser continuamente limpos e aperfeiçoados pelas palavras de Deus. Vamos ler algumas passagens das palavras de Deus Todo-Poderoso e tudo ficará mais claro! A palavra de Deus diz: ‘Nos últimos dias, Cristo usa uma variedade de verdades para ensinar o homem, expor a essência do homem e dissecar suas palavras e ações. Essas palavras abrangem várias verdades: o dever do homem, como o homem deveria obedecer a Deus, como o homem deveria ser leal a Deus, como o homem deve viver a humanidade normal, bem como a sabedoria e o caráter de Deus e assim por diante. Essas palavras são todas dirigidas à essência do homem e ao seu caráter corrupto. Em especial, essas palavras que expõem como o homem desdenha de Deus são faladas em relação a como o homem é a corporificação de Satanás e uma força inimiga contra Deus. Ao realizar Sua obra de julgamento, Deus não torna clara a natureza do homem simplesmente com algumas palavras; Ele também expõe, trata e poda a longo prazo. Esses métodos de exposição, tratamento e poda não podem ser substituídos por palavras comuns, mas pela verdade que o homem absolutamente não possui. Apenas métodos desse tipo podem ser chamados de julgamento; só por meio de julgamento desse tipo é que o homem pode ser subjugado e completamente convencido a se submeter a Deus e, além disso, ganhar verdadeiro conhecimento de Deus. O que a obra de julgamento produz é o entendimento do homem da verdadeira face de Deus e da verdade sobre a própria rebelião. A obra de julgamento permite que o homem ganhe bastante entendimento da vontade de Deus, do propósito da obra de Deus e dos mistérios que lhe são incompreensíveis. Também permite que o homem reconheça e conheça sua substância corrupta e as raízes de sua corrupção, bem como descubra a fealdade do homem. Esses efeitos são todos produzidos pela obra de julgamento, pois a substância dessa obra é, de fato, a obra de revelar a verdade, o caminho e a vida de Deus a todos aqueles que têm fé Nele. Essa obra é a obra de julgamento realizada por Deus.’ ‘Por meio dessa obra de julgamento e castigo, o homem conhecerá por completo a substância imunda e corrupta dentro de si mesmo, e ele poderá mudar completamente e se tornar limpo. Só assim o homem pode se tornar digno de retornar diante do trono de Deus. Toda a obra feita neste dia é para que o homem possa ser limpo e mudado; através do julgamento e castigo pela palavra, bem como por meio do refinamento, o homem pode remover sua corrupção e ser purificado. Em vez de considerar este estágio da obra como sendo o da salvação, seria mais apropriado dizer que é a obra de purificação’.

O Senhor Jesus virá nos últimos dias para expressar as palavras para nos salvar. Agora Deus Todo-Poderoso expressou milhões de palavras nos últimos dias. Estas palavras explicaram muito meticulosamente a gestão de Deus e a obra de salvação para a humanidade, Sua vontade, bem como todos os aspectos da verdade que as pessoas devem colocar em prática. Em particular, eles expuseram de maneira muito penetrante nossa natureza satânica de pecar e resistir a Deus. Por meio do julgamento das palavras de Deus, passamos a reconhecer nossa própria arrogância, desonestidade, falsidade, maldade, ganância, egoísmo, desprezo e outras naturezas satânicas. Também vemos nossas perspectivas incorretas em nossa fé, como acreditar em Deus apenas para ser abençoado e entrar no reino dos céus, não para buscar a verdade ou viver uma vida significativa. Também vemos que a maneira como pensamos e nos comportamos em nossas vidas está totalmente em desacordo com a vontade de Deus. Neste ponto, só temos que nos prostrar diante de Deus, chorar e se arrepender, reconhecer que somos descendentes de Satanás e que carecemos totalmente da semelhança que os humanos tinham originalmente. E por meio das revelações e do julgamento das palavras de Deus, vemos o caráter santo, inofendível e justo de Deus e passamos a entender que Deus nos expondo e nos julgando é para permitir que entendamos melhor a nós mesmos. Então, ficamos felizes em aceitar Seu julgamento e castigo e podemos escapar mais rapidamente de nossos caracteres corruptos satânicos, tornando-nos pessoas honestas que amam e obedecem a Deus e confortam Seu coração.

Toma-me, por exemplo. Eu costumava ser sempre senhor dos outros e sempre quis que todos me ouvissem. Caso contrário, eu ficaria muito irritada, o que fazia com que muitas pessoas se sentissem realmente constrangidas por mim e começariam a me evitar. Só mais tarde pude ver pelas palavras de Deus que estava confiando inteiramente no meu caráter arrogante na vida, sempre querendo ter autoridade sobre as outras pessoas e querendo que elas me ouvissem. Essa era inteiramente a essência do arcanjo. Sem me arrepender e me reformar, eu teria continuado a ofender seriamente o caráter de Deus e teria sido castigada por Ele! Assim que percebi as consequências terríveis de viver naquele tipo de caráter arrogante, tremi de medo, então confessei a Deus e me refiz. Eu abandonei conscientemente a carne, coloquei a verdade em prática e fiquei no meu próprio lugar. Ao encontrar um problema, eu procuraria e aprenderia a ouvir as idéias de outras pessoas. Depois de um período de tempo, meu relacionamento com todos ao meu redor começou a melhorar lentamente. Eu dou graças a Deus por isso.”

Ouvindo, as palavras de Deus Todo-Poderoso e a comunhão da irmã Lin, me mostraram que eu precisava aceitar a obra de julgamento de Deus nos últimos dias para ser purificada de meus pecados, como eu queria ser, e que somente sendo expostos pelas palavras de Deus podemos realmente saber e detestamos a nós mesmos e alcançamos o verdadeiro arrependimento. Eu senti que Deus trabalhando desta forma para salvar a humanidade é muito prático. Nada do que costumávamos imaginar era muito realista, que poderíamos ser purificados cantando as sagradas escrituras e obtendo expiação por nossos pecados, ou estando mais tarde no fogo do purgatório. É como quando o Senhor Jesus veio para fazer a obra de redenção. Ele não apenas disse algumas palavras e salvou toda a humanidade de nossos pecados, mas Ele realmente foi pregado na cruz por nós, e só então Ele completou a obra de redenção. Deus já voltou e agora está fazendo a obra de nos livrar de nossa natureza pecaminosa, o que também requer trabalho prático — falar sobre, julgar e expor nossa corrupção para que, depois de entendermos isso, possamos abandonar a carne e colocar a verdade em prática. Então, podemos substituir nossos caracteres corruptos internos pela verdade pouco a pouco; esta é a única maneira de alcançarmos gradualmente a transformação e sermos limpos. Compreender isso aceitei com alegria a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias.

Reflexão

Dou graças pelo amor de Deus, que muitas vezes tenho reuniões com irmãos e irmãs na Igreja de Deus Todo-Poderoso. Eu colho algo de cada reunião; Posso sentir que o Espírito Santo está comigo e estou em um estado espiritual maravilhoso. Agora, nas questões do dia-a-dia que encontro, não fixo meus olhos nos outros, mas em vez disso me concentro em me conhecer. Aceito as palavras de julgamento de Deus Todo-Poderoso e sinto que estou vivendo cada vez mais como humana. Eu dou graças a Deus — aceitei Sua obra de julgamento nos últimos dias e encontrei o caminho para escapar do pecado!

Por Martha, Indonésia


Veja também:

1-Como se arrepender dos pecados verdadeiramente?

2-Que tipo de pessoas não entrarão no reino dos céus?

3-Conheces a importância do julgamento de Deus sobre os homens para a nossa salvação?


Recomendado para você:

Filme evangélico “O momento de mudança” Trecho 2 – O único caminho para ser levado ao reino dos céus

Já que Deus criou os céus, a terra e todas as coisa com uma palavra e ressuscitou os mortos com uma palavra, algumas pessoas acreditam que Deus também transformará nossa imagem instantaneamente, nos tornará santos, nos elevará para que nos encontremos com o Senhor quando Ele voltar nos últimos dias. É verdade mesmo que seremos levados ao reino dos céus? A obra da volta de Deus nos últimos dias é tão simples quanto imaginamos? Deus Todo-Poderoso diz: “Vocês devem compreendê-la e não simplificar demais as questões. A obra de Deus é diferente de qualquer obra corriqueira. Seu mistério não pode ser concebido pela mente humana, assim como tal mente não consegue alcançar Sua sabedoria. Deus não está criando todas as coisas, mas também não as está destruindo. Em vez disso, Ele está transformando toda a criação e purificando todas as coisas que foram pervertidas por Satanás. Então, Deus deverá começar a obra de grande magnitude e essa é a significação total da obra de Deus. De acordo com estas palavras, você acredita que a obra de Deus seja tão simples?” (A Palavra manifesta em carne). Ninguém pode compreender a obra e a sabedoria de Deus. Somente o Próprio Deus pode revelar o mistério de como os fiéis serão arrebatados nos últimos dias, como Deus fará a obra do julgamento e purificará as pessoas… Esse vídeo curto o introduzirá ao conhecimento do único caminho para que sejamos levados ao reino dos céus quando o Senhor voltar!

Estudo sobre pecado
Enfrentando todos os tipos de dificuldades e pressões na vida, como devemos confiar em Deus para obter fé e força de Deus? Clique para se juntar ao nosso grupo de reunião para encontrar o caminho.

Inscreva-se gratuitamente

Inscreva-se para receber o tema do evangelho da semana