O Senhor ainda será chamado Jesus quando Ele retornar?

Deus diz: “Algumas pessoas dizem que o nome de Deus não muda, então, por que o nome Jeová se tornou Jesus? O que foi profetizado foi a vinda do Messias, então, por que veio um homem com o nome de Jesus? Por que o nome de Deus mudou? …”

Como pessoas que creem no Senhor, sabemos que o nome de Deus era Jeová no Antigo Testamento, e Jesus no Novo Testamento. Também sabemos que o Senhor uma vez profetizou que Ele retornaria nos últimos dias. Aí está a questão: o Senhor ainda será chamado Jesus quando Ele retornar? Eu acredito que a maioria dos irmãos e irmãs responderão sim, pois na Bíblia diz: “Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente” (Hebreus 13:8), e “E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos” (Atos 4:12). Com base nesses versículos, pensamos que o nome de Deus nunca mudará e que o Senhor ainda será chamado de Jesus quando Ele voltar. Mas essa visão é correta?
 

Filme evangélico "O nome de Deus mudou?!" Trecho 2 – O nome de Deus é realmente imutável?

Antes de responder essa questão, vamos, primeiro, olhar os seguintes versículos: “Eu, eu sou Jeová, e fora de mim não há salvador” (Isaías 43:11), e “Jeová é o meu nome eternamente, e este é o meu memorial de geração em geração” (Êxodo 3:15). Eles nos falam, de maneira clara, que Jeová é para sempre o nome de Deus e durará por todas as gerações, e que, além de Deus Jeová, não há outro Salvador. Mas por que oramos em nome de Jesus e O aceitamos como nosso Salvador? Bem, aparentemente, as palavras de Deus parecem contraditórias, mas na realidade não são. As palavras de Deus “dação e gerem geração” e “eternamente” eram sobre Sua obra naquela Era. Seu nome não mudaria até que Sua obra naquela era fosse completada. De fato, cada nome de Deus representa Sua obra e o caráter expressado na era. Por exemplo, o nome Jeová representou a obra de Deus de liderar a vida dos seres humanos recém-criados na Terra durante a Era da Lei, e Seu caráter representado foi de majestade, ira, maldição e misericórdia. Durante essa era, qualquer um que seguisse a Deus Jeová tinha que se manter no nome de Jeová e obedecer às Suas leis, e somente fazendo isso eles poderiam viver sob o cuidado e a proteção de Deus. No entanto, no final da Era da Lei, as pessoas estavam cada vez mais corrompidas por Satanás e incapazes de cumprir a lei, enfrentando o perigo de serem condenadas e amaldiçoadas por ela. Para salvar a humanidade, Deus começou a obra de uma nova era – a obra da Era da Graça. Então, de acordo com isso, o nome de Deus mudou de Jeová para Jesus, que representava a obra redentora de Deus e Seu caráter de compaixão e amor. Durante essa era, somente se as pessoas aceitassem e orassem em nome de Jesus poderiam receber a salvação de Deus. Esse é o verdadeiro significado deste versículo: “E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos” (Atos 4:12). Mas, independentemente do nome de Deus ser Jeová ou Jesus, ambos representam um só Deus, e a substância de Deus e o que Ele tem e é são imutáveis. Quer dizer, as palavras: “o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente” aplicam-se à essência inerente de Deus e não ao nome Dele.

Neste ponto, vamos voltar para a questão levantada no começo. Já que na Era da Lei Deus tomou o nome de Jeová e depois mudou para Jesus, na Era da Graça, Ele ainda levará o nome de Jesus quando voltar nos últimos dias? Quanto a esta questão, uma vez eu li uma passagem em um livro que me deu uma resposta clara: “Algumas pessoas dizem que o nome de Deus não muda, então, por que o nome Jeová se tornou Jesus? O que foi profetizado foi a vinda do Messias, então, por que veio um homem com o nome de Jesus? Por que o nome de Deus mudou? Essa obra já não havia sido feita muito tempo atrás? Será que Deus não pode, hoje, realizar uma nova obra? A obra do passado pôde ser alterada e a obra de Jesus pôde continuar a de Jeová. Não é possível, portanto, que a obra de Jesus seja sucedida por outra obra? Se o nome de Jeová pôde ser mudado para Jesus, não será possível, também, que o nome de Jesus seja mudado? Isso não é incomum, mas há quem pense assim por conta da ingenuidade” (de “Como o homem que definiu Deus de acordo com as suas concepções pode receber as revelações de Deus?”). Essas palavras deixam mais claro que o nome de Deus não é imutável, e troca de acordo com o Sua obra. Assim como o nome de Jeová pôde ser mudado para Jesus, o nome de Jesus também poderá ser mudado para qualquer outro nome. Quando o Senhor retornar, a era mudará, assim como o nome Dele. Portanto, não devemos usar nossas noções e imaginações para delimitar o nome de Deus, pensando que Ele só pode ser chamado de Jeová ou de Jesus e que não pode ser chamado por nenhum outro nome. Falando nisso, lembro que isso é profetizado em Apocalipse 3:12: “A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, donde jamais sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, da parte do meu Deus, e também o meu novo nome.” Podemos notar que aqui diz “o meu novo nome,” então deve ser um nome que Deus nunca usou antes. Como todos sabemos, Deus já tomou o nome de Jeová na Era da Lei, e Seu nome, Jesus, foi utilizado pelos crentes por dois mil anos. Então, se o Senhor ainda for chamado Jesus quando Ele retornar nos últimos dias, não será ainda um velho nome? Logo, a partir disso, podemos ter certeza de que o Senhor não será mais chamado de Jesus quando Ele voltar. Aqui, alguns de vocês podem perguntar: se não é Jesus, então qual será o novo nome de Deus? Para responder a essa pergunta, vamos ver o que a Bíblia diz. O livro do Apocalipse profetiza: “Eu sou o Alfa e o èmega, diz o Senhor Deus, aquele que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso” (Apocalipse 1:8), “Graças te damos, Senhor Deus Todo-Poderoso, que és, e que eras, porque tens tomado o teu grande poder, e começaste a reinar” (Apocalipse 11:17), e “Grandes e admiráveis são as tuas obras, ó Senhor Deus Todo-Poderoso; justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos séculos” (Apocalipse 15:3). Além disso, também está profetizado em Apocalipse 4:8, 16:7, 19:6 e muitos outros lugares na Bíblia que o novo nome de Deus nos últimos dias será Todo-Poderoso, isto é, Deus Todo-Poderoso. A partir disso, podemos ver que quando Deus voltar nos últimos dias, Ele usará o nome de Deus Todo-Poderoso para fazer a obra de julgamento dos últimos dias profetizada no versículo: “Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus” (1 Pedro 4:17). Portanto, aquele que aceitar o nome de Deus Todo-Poderoso será abençoado, purificado e salvo por Deus e, no final, arrebatado para o reino dos céus.

Irmãos e irmãs, a partir da comunhão acima, imagino que cada um de vocês esteja mais esclarecido sobre o nome que Deus tomará nos últimos dias. Com relação a receber o retorno do Senhor, não podemos determinar que Ele ainda será chamado Jesus com base em nossa imaginação, pois podemos perder com facilidade a oportunidade de receber Seu retorno e ser arrebatados para o reino dos céus. Somente se deixarmos de lado nossas próprias noções e imaginações, bem como nossos pontos de vista errados, e buscarmos a verdade com um coração humilde, podemos acolher o retorno do Senhor, como o Ele disse uma vez: “Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus” (Mateus 5:3). Amém!

Por Xiang Guangming

Leia mais:
1-Como devemos confirmar que Deus Todo-Poderoso é de fato o Senhor Jesus que voltou
2-O plano de salvação - Três etapas da obra de Deus para a salvação da humanidade
3-O plano de Deus: conheça os objetivos e o significado dos três estágios da obra de Deus
4-O Plano de Salvação de Deus: conheça os objetivos dos três estágios da obra de Deus
5-O Senhor Jesus já voltou e 5 profecias foram cumpridas
6-O Senhor Jesus vai mudar o Seu nome nos últimos dias?
7-Qual é o significado da redenção do Senhor Jesus Cristo?

Recomendado para você:
 

Filme evangélico "O nome de Deus mudou?!" Trecho 3 – O significado do nome de Deus "Jeová" e "Jesus" eram os nomes de Deus na Era da Lei e Era da Graça, e está profetizado em Apocalipse que Deus terá um novo nome nos últimos dias. Por que Deus é chamado por nomes diferentes em eras diferentes? Qual é o significado dos dois nomes "Jeová" e "Jesus"? Este breve vídeo irá ajudá-lo a desvendar o mistério.

Veja mais: Filme gospel completo dublado 2018 "O nome de Deus mudou?!" Revelar o mistério do nome do Deus

Comentários