O que é o pecado e como se livrar das amarras do pecado?

29/06/2021
7 minutos a ler

Muitos crentes no Senhor querem saber o que é pecado, e como se libertar das amarras do pecado? É porque essas questões estão diretamente ligadas, à importante questão de saber se seremos capazes de ser salvos e entrar no reino dos céus. Faremos agora uma comunhão sobre essas duas questões.

O que é o pecado e como se livrar das amarras do pecado?

O que é pecado?

Quando se trata do que é pecado, podemos facilmente pensar neste versículo registrado na Bíblia: “Todo aquele que vive habitualmente no pecado também vive na rebeldia, pois o pecado é rebeldia” (1 João 3: 4). Como homicídio, incêndio criminoso, roubo, furto, idolatria e assim por diante, esses são pecados visíveis que violem a lei. Além desses, existem pecados invisíveis em nossos pensamentos. Por exemplo, o Senhor Jesus disse: “Mas o que sai da boca procede do coração; e é isso o que contamina o homem. Porque do coração procedem os maus pensamentos, homicídios, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias” (Mateus 15: 18-19). A partir desses versículos podemos saber que, sejam os pecados de comportamento ou os pecados em nossos corações, todos os pensamentos e ações que vão contra as palavras de Deus, e a verdade e que nos fazem rebelar e resistir a Deus, são chamados de pecado por Deus.

Comparando isso a nós mesmos, depois de sabermos o que é pecado, descobrimos que estamos cheios de pecado, e podemos resistir e nos rebelar contra Deus, a qualquer hora e em qualquer lugar. Por exemplo, vivemos de acordo com nosso caráter satânico de arrogância e vaidade, pensando que podemos governar os outros, nunca ouvindo ninguém e sempre querendo ter a palavra final. Quando gastamos e trabalhamos para o Senhor, nos exibimos e nos exaltamos para que os outros nos admirem e olhem para nós, estamos competindo com Deus pela humanidade. Vivemos pelo nosso caráter satânico de ser egoístas e gananciosos, por isso colocamos nossos interesses em primeiro lugar em todas as coisas, e em nossas interações com os outros, tramamos contra eles e nos envolvemos em disputas invejosas em prol do lucro perdemos nossa humanidade e razão. Temos o caráter satânico de sermos desonestos e enganadores, portanto, não podemos deixar de contar mentiras e enganar os outros por causa de nossos próprios interesses; nós não apenas enganamos as pessoas, mas até enganamos a Deus: Dizemos tudo o que parece agradável diante de Deus, querendo ganhar a graça e as bênçãos de Deus. Mas uma vez que doenças, desastres naturais ou causados pelo homem, tribulações e provações nos sobrevêm, podemos culpar e trair a Deus. Estes são apenas alguns exemplos. Pessoas que frequentemente vivem em pecado e não podem praticar a verdade são servos do pecado. O resultado do pecado é ser julgado, amaldiçoado e destruído e não ser qualificado para entrar no reino dos céus. Isso é determinado pelo caráter santo e justo de Deus. Assim como Deus nos disse: “Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. Ora, o escravo não fica para sempre na casa; o filho fica para sempre” (João 8:34-35); “A alma que pecar, essa morrerá” (Ezequiel 18:20); “Porque se voluntariamente continuarmos no pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta mais sacrifício pelos pecados, mas uma expectação terrível de juízo, e um ardor de fogo que há de devorar os adversários” (Hebreus 10:26-27).


Veja também:

Qual é o significado de: “remissão dos pecados”?

Como se arrepender dos pecados verdadeiramente?

Podemos entrar no reino dos céus se cometermos pecados com frequência? Como podemos nos livrar do pecado?


Como ser livre das amarras do pecado

Dado que as pessoas que frequentemente pecam não podem obter a aprovação de Deus, como podemos nos livrar das amarras do pecado, obter purificação e nos tornarmos pessoas que merecem o louvor de Deus, e entram no reino dos céus? Na verdade, o Senhor Jesus nos prometeu que definitivamente voltaria nos últimos dias, para fazer a obra de nos limpar e salvar. Por exemplo, as profecias da Bíblia: “Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, Aquele, o Espírito da verdade, Ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por Si mesmo, mas dirá o que tiver ouvido, e vos anunciará as coisas vindouras” (João 16:12-13); “Quem Me rejeita, e não recebe as Minhas palavras, já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o julgará no último dia” (João 12:48). “Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus” (1 Pedro 4:17); “Santifica-os na verdade, a Tua palavra é a verdade” (João 17:17). Pode-se ver nesses versículos, que o Senhor expressará muitas verdades após Seu retorno, e usará Suas palavras para julgar nossos pecados para que possamos obter a purificação e nos livrar dos grilhões do pecado. Portanto, se aceitarmos a obra de julgamento do Senhor em Seu retorno, teremos a esperança de resolver nossa natureza satânica pecaminosa, obtendo a limpeza, ganhando o louvor de Deus e entrando no reino de Deus.

Acredito que muitas pessoas já ouviram alguém testemunhar que o Senhor Jesus voltou, como o Deus Todo-Poderoso encarnado. Deus Todo-Poderoso expressou todas as verdades de que precisamos para alcançar a salvação completa, para julgar e limpar todas as pessoas que aceitaram a obra de Deus nos últimos dias. Isso cumpre precisamente as profecias do Senhor voltando para expressar a verdade e fazer a obra de julgamento começando pela casa de Deus.

Vamos ler mais sobre as palavras de Deus Todo-Poderoso. Deus Todo-Poderoso diz: “Embora tenha feito muita obra entre os homens, Jesus apenas completou a redenção de toda a humanidade e tornou-Se oferta pelo pecado do homem; Ele não livrou o homem de todo o seu caráter corrupto. Salvar o homem plenamente da influência de Satanás não exigiu apenas que Jesus Se tornasse a oferta pelo pecado e carregasse os pecados do homem, mas também exigiu que Deus fizesse uma obra maior ainda para livrar o homem completamente de seu caráter satanicamente corrompido. E assim, agora que o homem teve seus pecados perdoados, Deus voltou para a carne para guiar o homem até a nova era e começou a obra de castigo e julgamento. Esta obra tem trazido o homem a um reino superior. Todo aquele que se submete ao Seu domínio há de desfrutar de uma verdade maior e de receber bênçãos maiores. Eles hão de viver verdadeiramente na luz e de ganhar a verdade, o caminho e a vida”.

Nos últimos dias, Cristo usa uma variedade de verdades para ensinar o homem, expor a essência do homem e dissecar suas palavras e ações. Essas palavras abrangem várias verdades: o dever do homem, como o homem deveria obedecer a Deus, como o homem deveria ser leal a Deus, como o homem deve viver a humanidade normal, bem como a sabedoria e o caráter de Deus e assim por diante. Essas palavras são todas dirigidas à essência do homem e ao seu caráter corrupto. Em especial, essas palavras que expõem como o homem desdenha de Deus são faladas em relação a como o homem é a corporificação de Satanás e uma força inimiga contra Deus. Ao realizar Sua obra de julgamento, Deus não torna clara a natureza do homem simplesmente com algumas palavras; Ele também expõe, trata e poda a longo prazo. Esses métodos de exposição, tratamento e poda não podem ser substituídos por palavras comuns, mas pela verdade que o homem absolutamente não possui. Apenas métodos desse tipo podem ser chamados de julgamento; só por meio de julgamento desse tipo é que o homem pode ser subjugado e completamente convencido a se submeter a Deus e, além disso, ganhar verdadeiro conhecimento de Deus. O que a obra de julgamento produz é o entendimento do homem da verdadeira face de Deus e da verdade sobre a própria rebelião. A obra de julgamento permite que o homem ganhe bastante entendimento da vontade de Deus, do propósito da obra de Deus e dos mistérios que lhe são incompreensíveis. Também permite que o homem reconheça e conheça sua substância corrupta e as raízes de sua corrupção, bem como descubra a fealdade do homem. Esses efeitos são todos produzidos pela obra de julgamento, pois a substância dessa obra é, de fato, a obra de revelar a verdade, o caminho e a vida de Deus a todos aqueles que têm fé Nele. Essa obra é a obra de julgamento realizada por Deus”.

Pelas palavras de Deus, podemos entender que o Senhor Jesus fez a obra de redenção na Era da Graça. Quando recebemos a salvação do Senhor, somos absolvidos de nossos pecados, não estamos mais sujeitos à condenação e punição da lei, e podemos orar diretamente ao Senhor e desfrutar da rica graça concedida pelo Senhor. Mas a obra do Senhor, não foi a obra de resolver a natureza pecaminosa do homem, e Ele nunca nos absolveu de nossa natureza pecaminosa. É por isso que precisamos aceitar a obra de julgamento de Deus nos últimos dias. Só assim podemos resolver nossa natureza pecaminosa.

Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias, já veio. Sobre o fundamento da obra de redenção do Senhor Jesus, Ele expressou muitos aspectos da verdade e realizou a obra de julgamento para resolver nossa natureza pecaminosa. Deus Todo-Poderoso expõe nossos vários caracteres corruptos e nossos pensamentos e idéias, sobre desobedecer e resistir a Ele, para que possamos refletir e reconhecer nossa natureza satânica, que resiste a Deus e gerar um coração de arrependimento. Enquanto isso, Deus também nos diz Sua vontade e nos mostra os caminhos da prática, tal como: como ser leal a Deus, o que é a verdadeira obediência a Deus, como temer a Deus e evitar o mal, como viver a humanidade normal, como alcançar uma transformação em nosso caráter de vida através da busca, que pessoas sejam aprovadas e salvas por Deus, que sejam detestadas e eliminadas por Deus, e muito mais. Todos aqueles que aceitaram a obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias ganharam algum conhecimento da sabedoria da obra de Deus, do caráter Justo de Deus e da intenção de Deus de salvar as pessoas, e assim desenvolveram um coração de reverência a Deus, começaram a odiar sua própria corrupção, e resolveram praticar a verdade e satisfazer a Deus.

Por meio de experiências repetidas da obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso, quer ajamos pecaminosamente ou revelemos os pensamentos corruptos em nossas mentes, não nos arrependeremos mais apenas em palavras e não mais confiaremos em nosso próprio autocontrole, mas, em vez disso, seremos capazes de verdadeiramente nos odiar de coração e estar dispostos a abandonar a nós mesmos e permitir que as palavras de Deus, se tornem os princípios de nossas ações e palavras. Dessa forma, sem que saibamos, passaremos por uma mudança em nossos caracteres de vida, gradualmente romperemos com a condição depravada de pecar durante o dia e confessar à noite, e mostrar alguma obediência verdadeira a Deus. Por tudo isso, podemos ver que a obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias, ao expressar a verdade, é muito prática, é exatamente o que nós, seres humanos corruptos, precisamos e também é a maior salvação de Deus para nós.

Neste ponto de nossa comunhão, podemos entender que sem experimentar o julgamento de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias, nunca entenderemos verdadeiramente a verdade de nossa própria corrupção e conheceremos o caráter justo de Deus, ou desenvolveremos um coração de reverência a Deus. Assim, nunca nos libertaremos das amarras do pecado. Somente submetendo-nos ao julgamento e purificação de Deus Todo-Poderoso, teremos a chance de nos livrarmos de nossos caracteres corruptas e, finalmente, sermos capazes de temer a Deus e evitar o mal, nos tornarmos pessoas que amam, obedecem e adoram a Deus, e viver à semelhança de um verdadeiro ser humano. Só então, seremos qualificados para entrar no reino dos céus, receber as bênçãos e promessas de Deus. Agora, os vídeos das experiências e testemunhos daqueles que experimentaram o julgamento das palavras, de Deus Todo-Poderoso e cujos os caracteres sofreram mudanças foram lançados online, como: Como mudei meu ego arrogante, Liberta da fama e da fortuna, Colhendo alegria em meio ao sofrimento, e mais.Tudo isso mostra que somente aceitando a obra de julgamento de Cristo dos últimos dias, podemos nos livrar das amarras do pecado; este é o único caminho para o reino dos céus.


Nota do Editor: Depois de ler este artigo, entendemos o que é o pecado, e também encontramos o caminho para se livrar das amarras do pecado. Se desejar saber mais, sinta-se à vontade para nos contatar usando os botões de bate-papo online na parte inferior.

Enfrentando todos os tipos de dificuldades e pressões na vida, como devemos confiar em Deus para obter fé e força de Deus? Clique para se juntar ao nosso grupo de reunião para encontrar o caminho.

Inscreva-se gratuitamente

Inscreva-se para receber o tema do evangelho da semana