Testemunho de fé "Deus é tão justo"

1380 20/11/2020

Durante o tempo em que cumpre seu dever, o personagem principal descobre que Yan Zhou, a líder da igreja, é desenfreada e ditatorial e que ela reprime arbitrariamente qualquer um que defenda uma opinião diferente. Por ser um verdadeiro anticristo que odeia a verdade, ele escreve uma carta em que a denuncia, mas, para sua surpresa, a carta acaba nas mãos desse anticristo. Oprimido e isolado, ele se afunda em profunda infelicidade e sofrimento. Por meio de oração e busca e da leitura das palavras de Deus Todo-Poderoso, ele compreende que, se os feitos de Deus estão alinhados ou não com as noções das pessoas, Sua essência justa é eternamente imutável e que, mais cedo ou mais tarde, as forças do mal sempre perderão sua posição na casa de Deus. Ele também percebe que Deus permite a existência de anticristos e falsos líderes para que Seu povo escolhido possa entender a verdade e desenvolver discernimento. Após entender a vontade de Deus, o personagem principal decide escrever outra carta denunciando esse anticristo. Ele terá êxito dessa vez? O anticristo é expulso da igreja? Assista a “Deus é tão justo” para descobrir.